Cadastre seu e-mail e
receba novas ofertas!

O Olho e a Visão

 A Visão

Para enxergarmos imagens, os raios de luz atravessam a córnea, o humor aquoso, a pupila, o cristalino e o humor vítreo. Todos esses meios devem estar transparentes para que a luz possa passar por eles e chegar à retina. Da retina, são encaminhados para o cérebro através do nervo óptico.

Nos primeiros anos de vida, qualquer diminuição da transparência das estruturas a serem atravessadas pela luz ou formações de imagens fora da retina pode ocasionar deficiência visual irreversível.

 Por isso a necessidade da retina e do cérebro receberem estímulos visuais nítidos desde o nascimento.

O Olho Humano

O globo ocular está situado dentro de uma cavidade óssea chamada órbita    

                                              

Sobrancelhas, cílios e pálpebras são comumente chamadas de anexos oculares e desempenham uma importante função de proteção ocular, impedindo que partículas, como poeira, caiam dentro do olho.

 

As pálpebras também têm como função a distribuição de lágrima, ocorrida durante o piscar.

A conjuntiva é película vascular que recobre a esclera na porção visível, até a córnea. Também recobre a parte interna da pálpebras inferiores e superiores. Os músculos extra-oculares, cada olho possui seis músculos, possibilitam sua movimentação para os lados.

Quando os músculos funcionam, normalmente os olhos estão sempre mirando na mesma direção. Mas se a algum não funciona bem, ocorre o estrabismo ou vesguice.

 

Aparelho Lacrimal: a glândula lacrimal fabrica a maior parte da lágrima que banha o olho. No canto interno da pálpebra(próximo ao nariz) existem um orifício e um canal que levam a lágrima já usada para o nariz.. A lágrima serve para limpar, facilitar o ato de piscar e nutrir o olho.

 

Córnea: é uma membrana transparente, localizada na frente da íris. Tem como funções permitir a entrada de raios de luz no olho e a formação de uma imagem nítida na retina. Seria como a lenta da máquina fotográfica.

Humor Aquoso : é um líquido transparente, que preenche o espaço entre a córnea e a íris. Sua principal função é a nutrição da córnea e do cristalino, além de regular a pressão interna do olho.

Íris: disco colorido com um orifício central (chamado de Pupila) - menina dos olhos. Sua função é controlar a quantidade de luz que entra no olho: ambiente com muita luz faz fechar a pupila; ambiente com pouca luz faz dilatar a pupila. Exerce a função idêntica ao diafragma de uma máquina fotográfica.

 

Se imaginássemos o olho como uma máquina fotográfica:

 

Cristalino: lente biconvexa, transparente, flexível 9 capa de modificar sua forma), localizada atrás da íris. Sua função é focar os raios de luz para um ponto certo na retina.

Retina: camada nervosa, localizada na porção interna do olho, onde se encontram célula fotoreceptoras( Cones, responsáveis pela visão central e pelas cores, e Bastonetes, responsáveis pela visão periférica e noturna). Sua função é transformar os estímulos luminosos em estímulos nervosos que são enviados para o cérebro pelo nervo óptico. No cérebro essa mensagem é traduzida em visão.

Coróide: é uma camada intermediária, rica em vasos que servem para a nutrição da retina. A região da retina, responsável pela visão central, chama-se MÁCULA, na qual se localizam os cones.

Humor Vítreo: é uma substância viscosa e transparente, que preenche a porção entre o cristalino e a retina.

Esclera: é a parte branca do olho. Sua função é a proteção ocular.